sexta-feira, 13 de setembro de 2013

POEMA Nº 092 - MIOSÓTIS

Em meu teclado há um miosótis.
Mágico!
Quando acionado, 
Abre-me portais...
Minha alma acarinhada, lúbrica
Transpõe cada portal
Languidamente!
Brinca de ciranda com as estrelas
Tecendo colares de risos e ventos.
Flanando, em frêmitos,
Entre nuvens de lençóis e suspiros...
Em êxtase, eleva-se aos céus
Em pura elegia
Derramando-se em acalantos
Na mais absoluta epifania!


Autoria: Lavínia Andrill
Imagem:Internet
Arquivo: Mulher 147

2 comentários:

Seu comentário é muito importante para mim! Obrigada por comentar!